O jornal mais antigo em circulação do Agreste Setentrional de Pernambuco

Quarta-Feira, 29 de Maio de 2024 05:45

Parque Ecológico José Irineu Cabral é inaugurado

07/06/2023

Vista aérea do Parque Ecológico José Irineu Cabral (Foto: Robson Arruda/ Divulgação)

Um ano e três meses após ter sido lançado, o Parque Ecológico José Irineu Cabral foi inaugurado neste domingo (4), véspera do Dia Mundial da Ecologia e do Meio Ambiente. A solenidade teve início por volta das 9h com a apresentação de Noé da Ciranda, que cantou músicas de sua autoria retratando os pássaros da nossa região e a natureza. Em seguida, o idealizador do parque e presidente da Sociedade dos Criadores de Surubim, Fernando Guerra, falou sobre a iniciativa.

“A importância do parque é múltipla, porque aqui as pessoas da comunidade surubinense futuramente vão conhecer as espécies nativas da região. Será uma área direcionada ao lazer, à qualidade de vida. Vão ser 2,5 hectares, no Centro de Surubim. Nenhuma instituição pública tem um espaço como esse destinado à preservação da natureza. É uma sequência de beneficios extraordinários”. O terreno no qual o empreendimento está localizado, integra a área do Parque de Exposições de Animais, Antônio Farias, que pertence à Sociedade dos Criadores de Surubim.

Idealizador do parque e presidente da Sociedade dos Criadores de Surubim, Fernando Guerra, falou sobre a iniciativa (Foto: Robson Arruda/ Divulgação)

Na cerimônia de inauguração, foram apresentados de forma oficial, os parceiros que irão desenvolver a estruturação do parque, a exemplo do escritório de arquitetura e engenharia Lins e França, que depois de realizar um minucioso levantamento topográfico da área, elaborou um estudo preliminar que foi detalhado ao público presente no evento.

O projeto prevê a construção de pista para caminhada, parque infantil, anfiteatro, estacionamento, sementeira, palco mirante, lago e instalação de placas com os nomes das plantas nativas, conforme explicou o engenheiro Lucas França.

Engenheiro Lucas França detalhou o estudo preliminar que foi elaborado sobre o parque (Foto: Robson Arruda/ Divulgação)

Após a explanação do projeto, a prefeita Ana Célia, a vereadora Ivete Ramos, o sindicalista Israel Crispim, e o contador Eudes Barbosa , da empresa Inovee Contabilidade, também parceira da iniciativa, fizeram pronunciamentos ressaltando a importância do parque para a região.

Na sequência, o biológo e paisagista Luciano Chagas, da Paisartes Garden, empresa  que anunciou apoio ao projeto antes mesmo do lançamento em 2022, falou sobre o acompanhamento que as plantas do parque terão, um trabalho que será coordenado por ele.

Projeto prevê a construção de pista para caminhada, parque infantil, anfiteatro, estacionamento, sementeira, palco mirante, lago e instalação de placas com os nomes das plantas nativas (Foto: Lins e França Arquitetura)

“Mensalmente iremos fazer ações que serão divulgadas pelo Instagram do parque, como dia de mutirão, dia de replantio. O espaço é enorme e agora temos um projeto delimitando a área de plantio, então vai ser melhor pra gente desenvolver o nosso trabalho”. As postagens vão acontecer no perfil @parqueecologicosurubim.

A cerimônia foi encerrada com um momento religioso presidido pelo padre Inaldo Silva,  que em sua fala ressaltou a importância do homenageado José Irineu Cabral. “Ele foi o surubinense que teve maior projeção nacional”, afirmou. O sacerdote benzeu as mudas  de ipê e uma de cedro que foram plantadas no local, simbolizando a inauguração do parque. Na cerimônia de lançamento, no ano passado, também foram plantadas cerca de 100 mudas de ipês.

Após benção realizada pelo padre Inaldo Barbosa, mudas de ipê e cedro foram plantadas no parque (Foto: Robson Arruda/ Divulgação)

O evento contou ainda com a participação de representantes da sociedade civil, do ex-prefeito de Surubim, Antônio Barros e do médico e sobrinho do homenageado, Dr. Alfredo Cabral.

Além do escritório Lins e França, Paisartes Garden e Inovee Contabilidade, também são parceiras do projeto a Incanti Interiores e Aelix Energia Solar.

Clique aqui e confira o vídeo com as imagens da inauguração do Parque José Irineu Cabral.

Quem foi José Irineu Cabral

Formado como Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito da Universidade do Brasil, no Rio de Janeiro, teve sua vida profissional praticamente dedicada ao gerenciamento de instituições rurais, a maior parte delas relacionadas com projetos agrícolas, de crédito, assistência técnica e estudos agrários. Dirigiu importantes organismos internacionais como o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura – IICA, o Comitê Interamericano de Desenvolvimento Agricola – CIDA e o Departamento de Projetos Agrícolas do Banco Interamericano de Desenvolvimento – BID.

Fundou no Brasil a Associação Brasileira de Crédito e Assistência Rural – ABCAR, foi chefe de Gabinete do Ministério da Agricultura, fundador e primeiro Presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – EMBRAPA. Essa instituição foi a responsável pelo desempenho excepcional da agropecuária brasileira, tornando o país uma das maiores potências mundiais nessa área.

Como Diretor do Serviço de Informação Agricola lançou um Plano de “Documentação da Vida Rural” que deu visibilidade à Vaquejada de Surubim em 1949. Além de matéria em revista de circulação nacional do Ministério da Agricultura, foram produzidos 04 filmes documentários, um deles dirigido por Jean Manzon, outros dois por uma equipe do Ministério sendo um destes narrado pelo próprio José Irineu e outro por Jarbas Barbosa, irmão do Chacrinha e produtor cinematográfico.

Em correspondência enviada ao editor deste jornal em 2005, logo após a publicação de seu livro “Sol da Manhã”, José Irineu confirmou estar escrevendo uma autobiografia onde Surubim aparecia com “muita força e brilho”. Vitimado por um câncer na medula, José Irineu Cabral, morreu aos 82 anos em João Pessoa (PB) e foi enterrado no Cemitério do Monte Santo às 10h do dia 1.° de agosto de 2007, em Campina Grande (PB).

Como é do conhecimento geral, a EMBRAPA é o mais importante órgão de pesquisa agropecuária do país e é responsável pelo lugar privilegiado em que o Brasil ocupa no mundo como produtor e exportador de produtos agrícolas e pecuários. Por algum descuido ou desconhecimento da importância desse filho da terra, em Surubim não existe uma única rua e nem sequer um beco com seu nome. Dessa forma, a Sociedade dos Criadores faz uma reparação histórica reconhecendo-o como um dos surubinenses mais ilustres.

Para entendermos a importância de José Irineu Cabral, transcrevemos alguns trechos do livro escrito por F. F. Guerra, Memória das Vaquejadas de Surubim (2017), selecionados do capítulo que lhe foi dedicado:

Ao se escrever a história do agronegócio nacional, inevitavelmente o nome da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – EMBRAPA avultará como a grande responsável pelo desempenho excepcional no contexto das nações. (…) O Brasil transformou-se numa superpotência agropecuária mundial graças às pesquisas empreendidas por essa instituição. Por sua vez a História da EMBRAPA encontra-se marcada de forma indelével pela presença do surubinense José Irineu Cabral. Foi ele quem “coordenou todas as ações preparatórias para criação desta organização e seu primeiro presidente”. Podemos dizer que Irineu continua sendo um ilustre desconhecido em sua terra natal. Falta-lhe o reconhecimento público. O nome de uma rua, uma praça, uma edificação, algo que sinalize a contribuição de Surubim para o desenvolvimento da agricultura e da pecuária nacionais. (…) Tanto quanto Capiba na música, quanto Chacrinha na comunicação televisiva, José Irineu foi um dos notáveis em sua área. 

 

Relacionado

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *