O jornal mais antigo em circulação do Agreste Setentrional de Pernambuco

Quarta-Feira, 23 de Setembro de 2020 08:00

Lucas, o pagador de promessas, inicia caminhada carregando cruz nas costas até Recife

14/09/2020

Lucas iniciou a caminhada na manhã desta segunda-feira (14), debaixo de chuva (Foto: Fernando Guerra)

O aposentado Roque José da Silva, de 64 anos, conhecido como Lucas da Compesa, iniciou nesta segunda-feira (14), debaixo de chuva, uma longa caminhada com uma cruz de madeira nas costas até a Igreja das Graças em Recife, como agradecimento por graças alcançadas. Ele passou por três cirurgias bem sucedidas, a primeira de uma úlcera e duas no cérebro.

Não é a primeira vez que Lucas paga promessas carregando cruzes. Em 2013, ele foi até Juazeiro do Norte (CE), distante cerca de 580 km de Surubim, onde aos pés da estátua do Padre Cícero, no dia 3 de março daquele ano, deixou uma cruz de madeira pesando 54 kg. Levou-a sozinho, numa moto, dormindo pelo mato.

No dia 2 de dezembro de 2019, a cruz era mais pesada, 67 kg. Saiu a pé de Surubim carregando em seus ombros o símbolo da cristandade, dia e noite, dormindo pela estrada. Cinco dias depois subiu o Morro da Conceição em Recife, onde deixou aos pés da representação da Imaculada Conceição essa cruz, pagando sua promessa.

Agora ele reafirma o agradecimento pelas graças que recebeu. O longo trajeto a pé, de 115 km, teve início às 6h30, de hoje na Praça Irmão Bernardo Aguiar, em frente ao Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Surubim. O roteiro foi divulgado em matéria deste Correio do Agreste há exatamente um mês.

A previsão de chegada é na sexta-feira (18). Na última vez que Lucas fez contato com a nossa redação, 9 horas e meia após ter começado a caminhada, informou que já estava em Freitas, comunidade da zona rural de Bom Jardim, a cerca de 25 km do local da partida.

Lucas não precisa de apoio financeiro para realizar sua firme determinação, mas diante de tantas pessoas que o procuram para oferecer ajuda disponibilizou uma conta bancária para receber depósitos. Quer reverter esse dinheiro em cestas básicas para ajudar os pobres que, hoje mais do que nunca, tiveram suas dificuldades aumentadas por conta da pandemia.

Pede que destinem essas doações para a Conta – 13995-5 em nome de Roque José da Silva, Agência do Bradesco – 835-4 / Surubim. Ao retornar caminhada prestará contas do valor arrecadado.

Relacionado

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *