O jornal mais antigo em circulação do Agreste Setentrional de Pernambuco

Quarta-Feira, 28 de Outubro de 2020 01:43

Santa Maria do Cambucá registrou a maior chuva do Agreste neste domingo (1.º), diz Apac

02/03/2020

Raio atinge zona rural de Santa Maria do Cambucá na tarde deste domingo (1.º) (Foto: Reprodução/ Facebook)

Santa Maria do Cambucá foi o município que registrou a maior chuva do Agreste Pernambucano, neste domingo (1.°), segundo o boletim pluviométrico da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac). De acordo com o documento divulgado nesta segunda-feira (2), foram 51 mm de chuva, o que representa 51 litros por metro quadrado.

A chuva forte com relâmpagos e trovões, fez riachos transbordarem, derrubou árvores e danificou estradas. Um raio atingiu uma árvore no Sítio Mandurí, zona rural do município. O temporal causou transtornos ainda em outras cidades da região. Na localidade de Umari, em Bom Jardim, uma árvore caiu, às margens da PE-90, também atingida por um raio, prejudicando o trânsito na rodovia. Ninguém ficou ferido.

Em Surubim, vários bairros sofreram queda de energia e localidades rurais como Alegre e Alto Santa Luzia ficaram horas sem eletricidade. A Unidade de Pronto Atendimento (UPA), localizada no Bairro do Coqueiro, teve que paralisar os serviços das 20h às 21h30, por causa da falta de energia. A tempestade também afetou o Desfile das Virgens que teve o início atrasado em cerca de meia hora.

A chuva registrada em Surubim foi de 12,7 mm, informou a Apac. Ainda conforme a agência, além de Santa Maria do Cambucá, as cidades que mais choveram no Agreste neste domingo (1.°) foram São Vicente Ferrer (35 mm), Vertente do Lério (34,5 mm) e Brejo da Madre de Deus (29 mm).

Relacionado

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *