O jornal mais antigo em circulação do Agreste Setentrional de Pernambuco

Segunda-Feira, 30 de Março de 2020 02:11

Surubim: em menos de 24h, acidentes deixam três mortos e quatro feridos na PE-106

30/12/2019

Fox que era conduzido pelo padre José Sebastião colidiu com uma moto. O motociclista morreu no HR, em Recife (Foto: Reprodução/ Facebook)

Em menos de 24 horas três pessoas morreram vítimas de acidentes que aconteceram na PE-106, que liga Surubim a Vertente do Lério. A primeira ocorrência foi registrada por volta das 14h, de domingo (29), na comunidade de Lério de Baixo, na zona rural. O padre da área pastoral de Vertente do Lério, José Sebastião Costa, dirigia um Fox que colidiu com uma motocicleta. O condutor da moto, Luiz Sales Batista, morador do Sítio Trapiá, área rural daquele município, foi socorrido para o Hospital da Restauração (HR), em Recife e faleceu na manhã desta segunda-feira (30). O padre e o outro passageiro do veículo não se feriram.

Acidente na Lagoa do Choro, deixou dois mortos e quatro feridos (Foto: Divulgação/ Polícia Militar)

O segundo acidente ocorreu por volta das 9h, desta segunda-feira (30), na localidade de Lagoa do Choro, também zona rural, perto do parque de vaquejada Manduri Park Show. Dois carros, um Fox e um Voyage bateram de frente. O motorista do Fox era o idoso José Henrique da Silva, de 79 anos, proprietário do Hotel Havaí, localizado na PE-90, próximo ao Grupamento do Corpo de Bombeiros de Surubim. Segundo os socorristas que fizeram o atendimento, ele não usava cinto de segurança e morreu no local do acidente. O carro estava com sacos e latas de cimento.  O outro ocupante do veículo, identificado apenas por “Adeilson”, ficou ferido e foi levado para o Hospital Regional do Agreste (HRA), em Caruaru. De acordo com testemunhas, o idoso perdeu o controle da direção e o carro invadiu a pista contrária provocando a batida.

O idoso José Henrique da Silva, de 79 anos e a professora Josefa Valdeci Santos de Souza, de 48 anos, morreram no local da colisão (Foto: Reprodução/ Facebook)

Também morreu no acidente, a professora Josefa Valdeci Santos de Souza, de 48 anos. Ela viajava no banco traseiro do Voyage e teve traumatismo craniano com perda de massa encefálica. Mais três pessoas estavam no veículo que era utilizado como táxi e ficaram feridas, entre elas o motorista do carro identificado apenas por José Antônio, que ficou preso nas ferragens. José Antônio é diácono da Assembléia de Deus, do distrito do Tambor, em Vertente do Lério. A professora era cunhada dele.  Outra vítima, uma mulher de 50 anos, identificada por Josefa Lima, foi transferida para o Hospital da Restauração, no Recife, em um helicóptero da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em estado grave, com uma fratura exposta na perna esquerda e suspeita de trauma na bacia. Uma terceira mulher, conhecida por Raquel, que estava ao lado do motorista, sofreu um corte na testa. O socorro foi realizado por equipes do Corpo de Bombeiros e do Samu.

Passageira do táxi é transferida de ambulância do Samu para o helicóptero da PRF no campo do Coqueiro (Foto: Reprodução/ WhatsApp)

Como a professora e o motoqueiro que morreu no acidente envolvendo o padre, moravam no município de Vertente do Lério, o prefeito da cidade, Renato Sales (MDB), decretou luto oficial de três dias e cancelou a festa de Reveillon, que teria como atrações a Banda Sedutora, Fabinho Forró Moral, Robson e Rafaella e o cantor Ranny Matos.

Relacionado

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *