O jornal mais antigo em circulação do Agreste Setentrional de Pernambuco

Sexta-Feira, 24 de Janeiro de 2020 10:29

Antônio Barros é homenageado pela Câmara de Vertente do Lério; Fernando Guerra receberá título de cidadão

07/12/2019

Ex-prefeito Antônio Barros ladeado pelo presidente da Câmara de Vertente do Lério, Lucas da Serra (à esq.) e David Almeida (à dir.) (Foto: Sérgio Ramos/ Divulgação)

Da Redação com o blog de Sérgio Ramos

Na tarde da quinta-feira (5), o ex-prefeito de Surubim, Antônio Barros, recebeu na Câmara de Vereadores de Vertente do Lério, uma moção em apoio ao trabalho da Comissão Pró-Universidade, presidida por ele, que está articulando a implantação de uma universidade pública no Agreste Setentrional. A proposição do vereador David Almeida (Podemos), foi sugerida pelo blogueiro Sérgio Ramos e aprovada por unanimidade.

“Estamos diante de uma história viva de trabalho, com ética e honestidade. Um exemplo que todos nós devíamos nos espelharmos”, destacou David, ao comentar a trajetória do ex-prefeito, que aos 89 anos, continua atuando ativamente em iniciativas de desenvolvimento para Surubim e municípios vizinhos.

“Para nós que fazemos parte da comissão é um momento realmente de alegria e as palavras que acabei de ouvir me emocionaram bastante”, disse Antônio Barros.

Editor do Correio do Agreste, jornalista Fernando Guerra receberá título de cidadão de Vertente do Lério em 2020 (Foto: Reprodução/ Divulgação)

O ex-prefeito estava na companhia do editor chefe do Correio do Agreste, Fernando Guerra. Durante a cerimônia, o jornalista foi surpreendido com a notícia de que receberá o título de cidadão de Vertente do Lério no próximo ano. O anúncio foi feito pelo vereador David Almeida enquanto discursava na tribuna da Câmara. Ao agradecer a homenagem, Fernando Guerra lembrou a relação de muitos anos que tem com a cidade, emancipada de Surubim em 1991.

“A minha ligação com Vertente do Lério vem desde o final da década de 1980, quando eu era presidente do Centro Cultural Dídimo Guerra e tomei a iniciativa de fazer com que as pessoas de Surubim conhecessem a arte, a cultura popular que se realizava aqui, como a Dança da Bolinha e os Bacamarteiros, toda essa riqueza folclórica. Então, eu tenho laços muito antigos com a população deste município”, ressaltou.

Comissão Pró- Universidade

O grupo de articulação é formado por deputados estaduais, deputados federais, professores, presidentes de entidades da sociedade civil e integrantes de grêmios estudantis e populares da região. O lema da campanha é: “Universidade pública e para todos no Agreste Setentrional: eu quero!”.

O presidente do grupo é o empreendedor e ex-auditor fiscal Antônio Barros, prefeito de Surubim entre os anos de 1977 a 1983. A professora universitária Horasa Maria da Silva Andrade, Doutora em Etnobiologia e Conservação da Natureza, é a vice-presidente.

De acordo com a comissão, o Agreste Setentrional é a única região de Pernambuco que não tem instituição pública de ensino de nível superior. O território é composto por 19 municípios: Bom Jardim, Casinhas, Cumaru, Feira Nova, Frei Miguelinho, João Alfredo, Limoeiro, Machados, Orobó, Passira, Salgadinho, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria do Cambucá, São Vicente Ferrer, Surubim, Taquaritinga do Norte, Toritama, Vertente do Lério e Vertentes.

O trabalho da Comissão Pró Universidade pode ser acompanhado no Instagram: @comissaoprouniversidade.

Relacionado

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *