O jornal mais antigo em circulação do Agreste Setentrional de Pernambuco

Terça-Feira, 15 de Outubro de 2019 05:40

Em Surubim, Paulo Câmara anuncia obra de saneamento e regulamentação de transporte alternativo

05/10/2019

Governador discursa no seminário Todos por Pernambuco em Surubim (Foto: Reprodução/ Facebook)

Durante o seminário “Todos por Pernambuco”, etapa Agreste Setentrional, realizado na Escola Técnica Estadual Antônio Arruda de Farias, em Surubim, nesta sexta-feira (4), o governador Paulo Câmara (PSB), anunciou duas importantes ações para os moradores da região. A primeira foi a assinatura de um decreto que regulamenta o transporte alternativo intermunicipal de passageiros no Estado, garantindo assim que “toyoteiros”, proprietários de “vans” e de outros veículos que realizam essa atividade, possam continuar trabalhando livremente. Para se ter uma idéia da quantidade de pessoas que sobrevivem prestando o serviço, só em Surubim, 1.400 Toyotas Bandeirantes são cadastrados na Prefeitura.

A preocupação da categoria é com a Lei Federal nº 13.855/2019, que entrará em vigor no dia 9 de outubro deste ano e aumenta a punição para quem realiza transporte alternativo de forma irregular. A legislação, baseada em projeto de lei apresentado pelo deputado federal Daniel Coelho (Cidadania-PE), prevê que a circulação de ônibus e vans escolares irregulares, e o transporte remunerado de pessoas ou bens sem autorização passem a ser considerados infrações gravíssimas, sujeitas a multa – que pode ser multiplicada por cinco no caso do transporte escolar.  O texto legal também determina perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação e remoção do veículo. Atualmente, o transporte escolar ilegal é considerado infração grave, e o de pessoas e bens, média.

Os representantes do transporte alternativo compareceram em peso ao evento para assistir à assinatura do decreto. “Ficamos cientes da legislação que foi sancionada pelo presidente da República no mês de agosto e é claramente uma lei feita por quem não sabe a importância de um trabalho realizado com dignidade, por pessoas que querem cuidar de suas famílias, que chegam a locais que ninguém chega”, comentou o governador.

A outra ação anunciada no evento, foi a contratação dos serviços de saneamento da comunidade de Lagoa da Vaca. A obra orçada em aproximadamente R$ 950 mil, tem como objetivo acabar com o esgoto que escorre a céu aberto na Avenida Surubim, a principal da localidade. É um problema antigo que as gestões municipais tentaram solucionar mas não conseguiram. O projeto que será executado pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), vai interligar a rede de esgoto da comunidade com a da cidade e prevê inclusive a construção de uma estação elevatória. A população atendida será de 4 mil pessoas.

Ainda na área de saneamento, o governador declarou inaugurado o Sistema de Esgotamento Sanitário de Surubim, uma obra que foi autorizada em 2014, pelo então governador Eduardo Campos (PSB), às vésperas de deixar o cargo. O investimento foi de R$ 80 milhões e o projeto vai beneficiar 42 mil habitantes, segundo o governo estadual.

Seminário reuniu representantes dos 19 municípios do Agreste Setentrional que apresentaram proposta para inclusão no Plano Plurianual (Foto: Reprodução/ Facebook)

Policlínica Estefânia Arruda de Farias

Antes de abrir o seminário Todos por Pernambuco, o governador Paulo Câmara visitou a Políclinica Estefânia Arruda de Farias, que no passado funcionou como maternidade e agora foi reaberta pela Prefeitura de Surubim com serviços de cardiologia, ortopedia e atendimento específico para mulheres. A passagem do gestor pelo local durou menos de meia hora. Toda a programação prevista pela assessoria do Palácio do Campo das Princesas atrasou. A visita do governador à unidade de saúde estava prevista para às 8h40 mas o socialista só chegou às 10h, depois que a cerimônia de inauguração já havia terminado e o público estava conhecendo o prédio. Outra mudança na agenda, foi a entrevista que seria realizada na Integração FM. Com previsão para às 9h, o bate papo não aconteceu nos estúdios da emissora. O governador participou da programação da rádio ao vivo, direto da Policlínica Estefânia Farias.

Também devido ao atraso, a abertura do seminário “Todos por Pernambuco” só teve inicío perto das 11h, quando o horário marcado era 10h. A assessoria explicou que as alterações ocorreram devido a um café da manhã na capital. Após esse primeiro compromisso em Recife, Câmara veio de helicóptero para Surubim. A aeronave pousou no gramado do Estádio Carlos Alberto de Oliveira.

Ao sair do seminário, o governador seguiu com a comitiva para Cumaru, município administrado por Mariana Medeiros (PP), esposa do presidente da Assembléia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Eriberto Medeiros (PP),  onde participou de um almoço.

Relacionado

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *